Parashá Reê

Neste Shabat, estaremos abençoando o mês de Elul. Além de ser o nome de um mês judaico, a palavra Elul é um acrônimo para cinco versículos da Torá que estão conectados aos cinco diferentes tipos de serviço a D´us, identificados com o nosso novo mês.

1 – Tefilá: “Eu sou do meu Amado e meu Amado é meu.” (Cânticos dos Cânticos, 6:3). – Pois é por meio da oração, o “dever do coração”, que nosso relacionamento com D’us é intensificado.

2 – Estudo da Torá: “… [mas D´us fez] que tal acontecesse e eu reservei um lugar para você.” (Êxodo, 21:13). Este versículo descreve as cidades de refúgio para as quais uma pessoa que matou, sem querer, deveria fugir. Mas também se refere ao estudo da Torá, pois as palavras da Torá protegem de todo mal.

3 – Atos de Bondade: “Uma pessoa [dá presentes] ao seu amigo e presentes aos pobres.” (Ester, 9:22). Neste versículo, o conceito de atos de bondade é claramente expresso.

4 – Teshuvá: “E D’us, seu Senhor, circuncidará seu coração e os corações de seus descendentes.” (Deuteronômio, 30:6). Retornar a D’us de todo o coração é, principalmente, o trabalho de mudar o eu interior, os sentimentos da alma/do coração.

5 – Redenção: “E eles disseram: ‘Nós cantaremos a D’us.’” (Êxodo, 15: 1 e 2). Esta frase foi tirada da Canção entoada pelo Povo ao atravessarem o Mar Vermelho.

Aproveitemos este mês para aprimorarmos estas práticas em nossa vida, aproximando, assim, a Redenção iminente.