Parashá Shemini

Pérolas Shemini

( Levítico 9:1 – 11:47)

A águia-pesqueira

A águia-pesqueira, um grande tipo de falcão, é uma das aves não-kasher listadas na porção da Torá desta semana, Shemini. A águia-pesqueira, que vive com uma dieta de peixes, é um pescador experiente, mergulhando nas profundezas do mar para capturar suas presas.


Talmud (Chulin 63,a)  relata que o Rabi Yochanan considerou a águia-pesqueira um excelente exemplo da Divina Providência. Sempre que via uma águia-pesqueira se alimentando, recitava o versículo: “Seus julgamentos são as maiores profundezas” (Salmos 36:7) . D’us supervisiona e supervisiona Seu mundo, mesmo nas profundezas do mar. O Rabi Yochanan viu que a águia-pesqueira é apenas um instrumento para o julgamento de D’us, comendo precisamente aqueles peixes que D’us decretou que devessem ser comidos.

A declaração do Rabi Yochanan nos lembra de que D’us não apenas dirige os passos do homem, mas supervisiona os reinos animal, vegetal e mineral, guiando todos os pequenos detalhes de Seu mundo.


O exemplo dado pela águia-pesqueira também é, portanto, não acidental, pois nos ensina uma lição sobre como D’us supervisiona Sua criação. A palavra hebraica para “natureza” – “teva” – vem da mesma raiz que a palavra que significa “afundado”. Assim como o tesouro afundado, escondido nas profundezas do mar, continua a existir, apesar de invisível a olho nu, a natureza também obscurece a verdadeira realidade interior. As leis da natureza ocultam a providência divina que dirige todos os fenômenos físicos, fazendo parecer que os eventos simplesmente acontecem sozinhos.

A águia-pesqueira nos ensina que, se queremos descobrir a verdade que as leis da natureza ocultam tudo o que precisamos fazer é mergulhar sob a superfície para descobrir a Providência Divina que está controlando.


Quando olhamos além do óbvio e contemplamos essas coisas, chegamos à conclusão de que não existe acidente. Esse fato será esclarecido eminentemente após a vinda de Mashiach, quando a Divindade oculta dentro do reino físico será revelada e aberta para todos verem.

Shabat Shalom Umevorach!