“Quando saíres à guerra contra os teus inimigos, e o Eterno, teu D´us, os entregar na tua mão, e deles levares prisioneiros. (Devarim, 21:10)

  • Quando você parte para a batalha com total confiança em D´us, ao embarcar em sua missão, automaticamente, eleva-se “acima” de seus inimigos.

 

  • Na luta constante contra a nossa má inclinação, não se pode ficar satisfeito apenas em vencê-la. Deve-se também “levar cativos”, usufruir dessa inclinação para o serviço Divino. Vemos a pressa e devoção com que a inclinação para o mal cumpre sua missão de fazer o homem tropeçar e levá-lo ao erro. Podemos usar essa mesma devoção para servir a D’us.

 

  • D’us nos garante não apenas a vitória sobre nossos inimigos. Ainda, temos a promessa de que os despojos saqueados pelas nações serão totalmente devolvidos ao Povo Judeu. De acordo com Maimônides, uma das primeiras atitudes de Mashiach será “travar as Guerras de D’us e prevalecer”. Tudo o que foi subtraído indevidamente dos judeus durante o exílio será devolvido às nossas mãos. Significativamente, isso inclui o alvo maior de seu de sua ira: o Templo Sagrado, duas vezes destruído. Quando Mashiach vier e reconstruir o Templo, este será, finalmente, redimido do cativeiro das nações no qual esteve por quase dois mil anos.

Shabat Shalom e Shaná Tová!